Cronograma Capilar: o que é e como começar | BEDA #27

Cronograma Capilar - o que é e como começar

Hello, meus amorexx ❤ Tudo bem com vocês?

Hoje vim dividir com vocês um pouco mais desse mundo sobre cabelos, que estou descobrindo graças a transição capilar. Aliás, se você também está passando por essa fase, já deve ter ouvido falar em Cronograma Capilar, né? Ele é muito importante para a saúde dos fios, principalmente na transição, onde o cabelo precisa de todo cuidado para crescer forte e saudável. Porém, ele também serve para quem está sentindo que seu cabelo está precisando de um up, sabe? Afinal, ninguém merece ficar com o cabelo danificado e deixar por isso mesmo, né?

Então, se você quer saber exatamente o que é Cronograma Capilar, quais são as principais etapas e como começar esse processo, basta continuar lendo esse post que eu vou te contar tudo!

 

Leia também:
Diário da Transição: a história do meu cabelo
Tipos de cachos: descubra a textura do seu cabelo

 

O que é Cronograma Capilar?

Cronograma Capilar – ou CC -, basicamente, é uma agenda de cuidados com o seu cabelo, onde cada etapa vai te ajudar a repor a massa capilar e os nutrientes que os fios perdem no dia a dia. Esses cuidados são divididos em três etapas principais que o cabelo mais precisa: hidratação, nutrição e reconstrução, e são incluídas na hora das lavagens. O resultado é satisfatório, mas só é perceptível a médio e longo prazo, dependendo do estado do seu cabelo.

Cronograma Capilar

Se você também está na transição ou faz qualquer tipo de química (alisamento, descoloração, coloração…), provavelmente vai precisar de um CC, pois os cabelos ficam mais necessitados de nutrientes quando passam por esses processos. É importante repor esses nutrientes já que os perdemos diariamente através da poluição, dos raios solares, poeira, cloro da piscina, procedimentos químicos, excesso do uso de secador e chapinha, etc.

Deve-se, primeiramente, notar o estado do seu cabelo, ou seja, se ele está muito danificado, pouco danificado ou saudável e começar com a tabela que mais se encaixar a sua realidade. Conhecer seu cabelo é essencial, assim você poderá aderir a uma dessas tabelas ou criar o próprio cronograma, baseado nas necessidades do seu fio e no efeito que mais gosta de deixá-lo. Para isso serve cada etapa que irei falar agora.

 

Primeira Etapa: Hidratação

A principal função da etapa de hidratação é repor a água dos fios. As máscaras hidratantes contém em sua fórmula aloe vera (babosa), vegetais, pantenol, sacarose ou derivados do açúcar, glicerina, frutas ou vitaminas. Após feita a hidratação, o cabelo fica macio, brilhoso e sedoso. Essa etapa pode ser repetida com mais frequência, pois não sobrecarrega os fios.

 

Segunda Etapa: Nutrição

A etapa de nutrição serve para devolver os lipídios aos fios, de forma que os cabelos ficam alinhados, sem frizz, sem volume, realça o brilho, combate o ressecamento e o deixa com a oleosidade necessária. As máscaras nutritivas possuem ingredientes como óleos vegetais (de coco, abacate, rícino, semente de uva, jojoba, azeite de oliva, etc) ou manteigas (karité, cupuaçu, cacau, abacate…) e tutano. A umectação também é feita nessa etapa com óleos vegetais antes da lavagem.

 

Terceira etapa: Reconstrução

A etapa de reconstrução é responsável por repor as proteínas dos fios, e é indicada para quem está com os cabelos danificados, porosos, quebradiços, finos e ralos, com pontas duplas e com frizz. A reconstrução é a etapa mais importante do Cronograma Capilar, pois trata a fibra capilar de dentro para fora e repõem massa, queratina e aminoácidos. As máscaras reconstrutivas são a base de creatina, arginina, queratina, proteína, colágeno, aminoácidos, entre outros. Por ter um grande poder reconstrutivo, essa etapa deve ser feita a cada 15 ou 30 dias, sempre depois de uma etapa de hidratação e outra de nutrição. Se você fizer antes do intervalo mínimo (15 dias), pode acontecer o efeito rebote e seus fios ficarão quebradiços. Após a lavagem, o cabelo acaba ficando duro, mas é normal. A reconstrução pode – e deve – ser adicionada na rotina de qualquer pessoa, pois deixa os fios mais fortes e resistentes aos danos.

 

Como começar um Cronograma Capilar?

A primeira coisa que deve ser feita é saber do que o seu cabelo mais precisa e dar mais atenção aquela etapa. Para isso, existe o teste de porosidade, que nada mais é que uma espécie de indicador. Coloque um fio limpo em um recipiente transparente com água e repare se vai boiar (porosidade baixa: hidratação), se vai ficar no meio (porosidade média: nutrição) ou se vai afundar (porosidade alta: reconstrução). Quanto mais as cutículas dos fios estiverem abertas, mais poroso estará o cabelo, ou seja, mais danificado.

Teste de Porosidade - Cronograma Capilar

Depois disso, você já deve saber do que seu cabelo mais precisa, então é a hora de focar em um cronograma (muito danificado, pouco danificado ou saudável), como a imagem lá no começo, ou criar a sua própria tabela. As etapas são feitas separadamente, nunca no mesmo dia. O intervalo entre cada etapa deve ser de, no mínimo, 48 horas, independente se você lava o cabelo duas, três ou mais vezes por semana (quem lava o cabelo diariamente pode optar por escolher os dias que prefere fazer as etapas. Exemplo: segunda, quarta e sexta; terça e sexta; entre outros). Quando perceber que suas madeixas estão ficando com um aspecto melhor, troque por outro cronograma. Isto é, se antes você estava seguindo a tabela para cabelos muito danificados e percebeu uma melhora, agora você pode passar a seguir a tabela para cabelos pouco danificados e assim por diante, até não sentir mais necessidade de fazer o CC.

Uma linha para cada etapa não é regra, portanto você pode comprar apenas uma máscara de hidratação e ir batizando com aditivos conforme for a etapa. Para deixar a máscara com mais poder hidratante, acrescente glicerina vegetal, bepantol, aloe vera ou ervas aromáticas naturais. Já para nutrição, adicione óleos vegetais, como óleo de girassol, óleo de amêndoas, óleo de abacate, azeite de oliva, etc. E para reconstrução, acrescente queratina líquida. Uma dica bem importante caso for batizar alguma máscara: faça essa misturinha apenas com o que vai usar naquela lavagem, assim a máscara vai servir para todas as etapas. Você também pode usar e abusar das receitas caseiras para ajudar no crescimento, dar brilho, melhorar o aspecto das pontas… Enfim, para o que estiver precisando no momento, receitinhas é o que não falta na internet.

 

Dicas práticas

• Na hora de lavar o cabelo, prefira água fria ou, no máximo, morna. A água quente ajuda o couro cabeludo a produzir mais oleosidade.

• Quando for aplicar o shampoo, esfregue primeiro o couro cabeludo e no finalzinho leve a espuma até as pontas. Algumas pessoas ainda preferem diluir o shampoo em água para amenizar o ressecamento.

• Depois do shampoo, chega a hora da máscara (hidratante, nutritiva ou reconstrutiva). O shampoo abre as cutículas para limpar profundamente, passar a máscara (do comprimento até as pontas) logo em seguida ajuda a potencializar o efeito desejado. Só depois passe o condicionador (também do comprimento até as pontas) e enluve os fios, isso vai fazer com que as cutículas se fechem e a hidratação/nutrição/reconstrução atinja o efeito potencializado, que já mencionei.

• Não retire a máscara do pote com a mão, utilize uma espátula própria. Se a sua mão entrar em contato com o produto, provavelmente vai diminuir o efeito do mesmo.

• Fique atenta para respeitar o tempo de ação de cada produto. Deixar por menos tempo pode não dar o efeito desejado e deixar por mais tempo pode dar o temido efeito rebote.

• Na hora de secar, vá apertando os fios com a toalha debaixo para cima. Não esfregue os fios na toalha, pois isso pode causar frizz e – na pior das hipóteses – deixá-los quebradiços. Dê preferência a toalhas de microfibra ou use uma camisa de algodão.

• Penteie com cuidado, sempre debaixo para cima, para não quebrar os frios (principalmente se estiverem bastante danificados).

 

Ufa! Acho que não esqueci de nada, rs. Por hoje é “só”, meus amores. Espero que tenham gostado do post giga, cheio de informações e dicas importantes. Não deixem de compartilhar com suas amigas que também estão precisando de um help, ta bom? O #LizTodoDia está quase acabando, então não percam tempo! Leiam os posts anteriores e fiquem atentas para o que ainda vai sair por aqui. Sigam a newsletter do blog para receberem os conteúdos em primeira mão, quer melhor que isso?! rs. Enfim, deixa eu ir que já falei demais. Se quiserem papear mais comigo me acompanhem nas redes sociais (links abaixo), onde eu procuro estar sempre presente (mesmo que o feed não esteja atualizado 😂). Um beijo grande no core e fiquem com Deus 🙏🏻

 

Com amor,
Liz ❤

 

 

Acompanhe o blog nas redes sociais:

Instagram • Facebook  Google+ Pinterest

 

Banner BEDA - Blog Sonhos apos Dezoito

3 comentários sobre “Cronograma Capilar: o que é e como começar | BEDA #27

  1. Pingback: Testei e Contei: Ativador de Cachos, S.O.S Cachos Umidificador – Salon Line | Sonhos Após Dezoito

  2. Pingback: Big Chop: o que é, quando fazer e +6 antes e depois para se inspirar | Sonhos Após Dezoito

  3. Pingback: Diário da Transição: meu Big Chop | Sonhos Após Dezoito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s