[Texto Recebido]: Sucessivas transformações

sucessivas-transformacoes

Hoje eu estou diferente. Não sei. Só sei que eu estou. Estou tão diferente, que eu preciso passar isso para algum lugar. É. Escolhi passar para uma folha de papel, talvez possa parar nas redes sociais. Posso estar “sonhando” alto, mas caso isso acontecer, vai ser maneiro.
A vida é interessante. Pode parecer loucura, mas ela é. Eu juro. Pense um pouco comigo, ou vá além dos meus pensamentos.
Aqui estou eu escrevendo isso, e você, claro, está lendo geste texto. Sabe o que temos em comum? Estamos na mesma dimensão. Uma hora ou outra, vamos passar pelas mesmas situações; mais cedo, mais tarde ou no mesmo tempo. E sabe o que é mais interessante ainda? É que não vai ser a mesma experiência.
Nós nascemos, temos as mesmas dificuldades para andar, os mesmos medos nesta fase e vamos crescendo. Crescemos incessantemente. Adolescentes, ficamos. Descobertas, temos. Amizades ganhamos e com elas aprendemos como fazer para que com elas cresçamos e carregarmos os mais importantes no decorrer da vida.
Nos formamos, buscamos por trabalho; aprendemos muito mais da vida neste estágio. É como o passarinho quando sai do ninho.
Homem ou Mulher, é magnífico. É genial. É exatamente surreal.
Temos uma hora ou outra desânimos e precisamos nos reerguer, precisamos amadurecer e saber o quanto somos importantes para nós mesmos.
Moça, moço, na vida precisamos fazer o seguinte:
jogo do contente;
adaptações a diversas situações;
nos amar;
fazer ambos (nós e eles) felizes;
aproveitar o hoje, vivê-lo.
Sou jovem, tenho poucas experiências, mas tenho certeza que, se todos nós nos expressarmos mais, mostrarmos para cada pessoa o que realmente faz sentido para nós… Seria melhor, não, a convivência?
Aprenda uma coisa: na vida podemos ser pessoas de sucesso e só basta ter desejo por isso e força de vontade, só procure ser uma pessoa brilhante e fascinante em tudo.
Corra. Persista. Seja feliz apenas com arroz, e feijão; sem iPhone, sem internet, sem roupa de marca, sem emprego… Só seja você.
Dê risada. Chore. Chore de alegria. Chore de tristeza, por que não? Só não deixe que a sua essência encontrada acabe. Faça o jogo do contente, ele é incansável, é infinito, é grátis.
Ame.

Por: Gregory Manhães
InstagramFacebook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s